NOTÍCIAS

“O caminho por trás do sucesso”: O estágio para a Final da Taça AF Porto

Nos dias 18 e 19 de maio de 2024, o Park Hotel em Valongo acolheu o Estágio de Preparação dos Árbitros da Final da Taça da Associação de Futebol doPorto. Pela primeira vez realizado a nível distrital, o evento foi organizado pela Academia de Arbitragem Albino Nogueira, com o intuito de preparar os árbitros nomeados para a final, através do scouting das equipas, proporcionando uma análise detalhada das suas características e estratégias.

Na sessão de abertura do Estágio de Preparação, estiveram presentes o Presidente da Academia de Arbitragem Albino Nogueira, Gustavo Barros Pereira, o Vice-Presidente e o Diretor do Conselho de Arbitragem da AF Porto, Miguel Damas e Paulo Rocha. O responsável pelo pelouro do Futsal no Conselho de Arbitragem da AF Porto reiterou a “forte aposta do Conselho de Arbitragem e de toda a Associação na capacitação dos árbitros e na sua preparação, em especial, para os grande jogos”. Miguel Damas referiu, ainda, ter toda a confiança na equipa de arbitragem nomeada.

 

Aberto o estágio, seguiu-se a sessão de scouting, baseada na análise dos jogos das equipas, um trabalho que foi sendo preparado com semanas de antecedência, pela equipa de scouting, composta por 4 árbitros: Leandro Pinto, Diogo Gandra, José Madureira e Miguel Correia, todos eles incluídos no Programa de Detecção de Jovens Talentos. Este trabalho permitiu aos árbitros terem uma maior conhecimento das equipas e potenciais desafios que poderiam vir a ser colocados, durante a partida.

 

Já na manhã do dia 19, foi tempo de fomentar o trabalho de equipa e a relação entre os elementos da equipa de arbitragem, numa sessão de team-building, sob a responsabilidade do formador convidado Leandro Pinto.

Finda a sessão, seguiu-se o almoço, momento em que se juntaram à concentração os dois estagiários que, por terem terminado os respetivos cursos iniciais em 1º lugar, acompanharam a equipa de arbitragem na Final. Foram eles: Álvaro Oliveira e Magali Couto. O destino final foi o Pavilhão Multiusos de Paredes, onde os Árbitros Hugo Paiva (1º Árbitro), André Lopes (2º Árbitro), Sara Pereira (3º Árbitro), Mariana Neves (AAR) e José Brito (AA-Cronometrista) dirigiram a final da prova rainha da AF Porto, entre o CCD Ordem e o CA Sangemil, de forma competente.

Nas palavras do líder da equipa de arbitragem, Hugo Paiva, o Estágio foi “absolutamente importante para nos prepararmos da melhor forma para o jogo. Foi uma preparação absolutamente profissional, ao nível do que se faz na 1ª Divisão Nacional. Este foi o caminho por trás do sucesso desta equipa de arbitragem!”

Para Gustavo Barros Pereira, Presidente da AAA-AAF e responsável pela ação, “esta foi mais uma iniciativa a pensar nos árbitros e no Futsal. Tudo isto é um investimento da Academia, com o objetivo de dar as melhor condições aos nossos árbitros e proporcionar-lhes uma experiência única. Tenho a certeza que foi útil e, por isso, uma aposta ganha da Academia, em parceria com o Conselho de Arbitragem“.